sexta-feira, 5 de dezembro de 2008

Plano de Ação- Estagio III

Justificativa

· Estabelecer relação teoria-prática
· Desenvolver as técnicas de ensino e preparação para carreira docente
· Busca pela troca de experiências
· Realizar um trabalho diferenciado


Objetivos

Geral

· Provocar uma reflexão sobre os elementos em seu cotidiano
· Agir como um facilitador na construção dos conceitos matemáticos
· Contextualizar,sempre que possível,tornando a disciplina atrativa e interessante
· Identificar os possíveis erros e trabalha-los


Específicos

· Ajudar o aluno a identificar na situação – problema como aplicar o conteúdo estudado de modo a estabelecer um raciocínio
· Incentivar a busca do real significado para daí construir um conhecimento matemático
· Incentivar o educando a desenvolver uma argumentação matemática fundamentada para que posteriormente,se sinta habilitado a construir demonstração matemáticas



Metodologia

· Iniciar a aula com uma situação – problema que esteja ao alcance deles,de modo a provocar curiosidade e desejo de conseguir resolver (desequilibrar para equilibrar). Após isso,apresentar os elementos matemáticos que intuitivamente eles utilizaram para resolver o problema salientando que teoria e prática podem estar juntos
· Elaborar atividades que proporcione reflexão do conteúdo trabalhado e que venham possibilitar um entendimento mais amplo da situação proposta
· Utilizar jogos para permitir a elaboração de estratégicas
· Construir modelos matemáticos para incentivar o aluno a partir de um caso particular,vislumbrar um caso mais abstrato


Recursos


· Jogos
· Modelos concretos
· Quadro
· GizMateriais para construção de modelos

3 comentários:

Olenêva disse...

Adam, Cristiane e Gledson,
A idéia era a postagem de modelos e a eleição ou adequação de um deles.

Fellipe disse...

Os modelos acima contemplam (basicamente) a mesma estrutura deste plano postado por vocês. Só senti falta da referência, por isso não vou votar neste modelo.

Pelo que percebo vocês pensaram em justificar o estágio para o estagiário. Será que não deviamos explicitar qual a importância de um estágio para a escola? (Por que a escola deveria aceitar um estagiário lá dentro?).

Quando perguntei à professora, me pareceu que devíamos justificar para a escola e não para nós mesmos.

Olenêva disse...

O beneficiado deve ser, numa regência de classe o estudante, sem dúvida, mas também o estagiário, uma vez que ele está em formação incial. Isso porque o estágio prevê 2 formações:acadêmica e profissional.